Por mais que Portugal e Brasil se pareçam muito na língua e até na simpatia das pessoas, é fundamental saber que muitas atitudes consideradas aqui como normais são bastante erradas por lá. Seja por questões de hábito ou cultura, é importante entender o que NÃO deve fazer em Portugal.

Quem é brasileiro e vai viajar ou morar em terras lusitanas pode se informar melhor para evitar constrangimentos. Lembre-se sempre de que, embora a língua seja parecida, trata-se de um país bem diferente e, portanto, com hábitos bem específicos.

Olha só o que os brasileiros fazem em Portugal e que irrita bastante os portugueses. E, por favor, não repita isso quando estiver por lá!

não deve fazer em Portugal

1. Chamar alguém de moça ou moço

Nem todos os portugueses acham simpático os termos “moça” ou “moço”. Os termos “campeão”, “irmão”, “brother” ou qualquer outra forma de chamar um atendente ou garçom, por exemplo, devem ser evitados.

Em vez disso, o recomendável é utilizar os tradicionais “com licença”, “me desculpe”, “bom dia”. Isso evita situações de constrangimento e até que um português se sinta ofendido.

O mesmo vale para a expressão usada quando não entendemos algo e queremos que a pessoa repita o que falou. Aqui, falamos “Hã?”, “Oi?”, “Não entendi”. Com eles, o melhor é dizer “O quê? Não percebi”.

2. Chegar atrasado(a) para um compromisso

Para os brasileiros, é comum marcar às 16 e aparecer às 16h30, por exemplo. Os portugueses não toleram isso. Se marcam um jantar para as 19h, é altamente recomendável que você chegue no horário marcado.

Como ninguém gosta de ficar esperando e pode até se ofender com essa postura, faça a cortesia de chegar um pouquinho mais cedo do que o combinado. Assim, não há risco de haver qualquer tipo de problema com horários.

3. Pechinchar o preço em lojas

Brasileiro adora pechinchar, né? Seja em lojas de roupas, acessórios, joias ou eletrônicos, sempre pedem um descontinho.

Acontece que, ao contrário de alguns países árabes e africanos, o hábito de pechinchar em Portugal não é bem visto. Por lá, eles acham esta atitude um pouco excessiva e falta de educação. Por isso, NÃO deve fazer em Portugal.

4. Desrespeitar o horário de silêncio

Os brasileiros já são notavelmente mais barulhentos que os portugueses ao falarem e, quando fazem festa, podem dar um certo trabalho. E isso incomoda muito os vizinhos.

Todo mundo gosta de se divertir, mas o melhor a fazer é dar as suas festinhas em um horário dentro do permitido, começando à tarde e acabando às 20h, por exemplo. Desta forma, você mantém uma boa relação com os vizinhos e evita confusões.

5. Comparar Portugal com o Brasil

Se você está visitando um país ou morando nele, é fundamental respeitar as diferenças culturais. Por isso, não espere que os portugueses sejam como os brasileiros e evite fazer comparações, citando “ah, mas no Brasil é assim ou assado”.

Se você está conhecendo esse país, livre-se de preconceitos e mergulhe na cultura portuguesa. Você pode, claro, levar a cultura brasileira para eles, mas sem comparações, ok?

6. Reclamar do bacalhau

Outra coisa que NÃO deve fazer em Portugal é falar mar do bacalhau, amado por quase todos os portugueses, assim como o arroz e feijão está quase sempre à mesa dos brasileiros. Há inúmeras receitas com esse peixe por ali e, por isso, opções para todos os gostos.

Se, algum dia, você reclamar que vai comer bacalhau de novo, provavelmente os portugueses ficarão um pouco chateados. E ainda falarão sobre as variantes do prato, explicando como se faz Bacalhau à Braz, com Natas, em Risoto, em lasanha, no forno, etc.


Portugal é um país riquíssimo e cheio de oportunidades para os brasileiros. Que tal conhecê-lo melhor e admirar suas tradições? Conte com a Horizon Portugal para assessorar nos trâmites do visto português.

Ler mais notícias