O polvo à lagareiro é uma receita tradicionalmente portuguesa. Nela, o polvo é protagonista e cozido na grelha até adquirir uma boa textura.

Seu nome está relacionado à figura do lagareiro (pessoa que trabalha na produção de azeite). Por levar grande quantidade de azeite, esse prato recebeu o nome.



Origem do polvo à lagareiro



Não há 100% de certeza em relação à origem do polvo à lagareiro. Estima-se que o prato tenha surgido na província de Trás-os-Montes, que tem grande tradição na fabricação de azeite.

Como é feito o polvo à lagareiro



O polvo deve, primeiramente, ser bem cozido. Depois, ele vai para a grelha ou forno, com muito azeite. Batatas a murro também são incluídas em algumas receitas.

Bastante servido no Natal, ele também é tradição em diversos restaurantes de Portugal o ano todo.

Onde comer polvo à lagareiro em Portugal

  Há inúmeros lugares para se degustar o polvo à lagareiro em Portugal. A seguir, listamos três:

Dom Feijão

Localizado em Campo Grande, Entrecampos, esse restaurante se destaca pelos pratos à lagareiro. Ali, o polvo é cozido muitas horas antes de ir para a grelha para que fique macio.

O prato só é servido ali às segundas, sextas e sábados, pelo valor médio de 16 euros. Vale a pena conferir!

Adega das Gravatas

Esse é um dos melhores restaurantes de Carnide, Colégio Militar. Com boa comida portuguesa e grelhados, serve o polvo à lagareiro com bastante azeite.

O estabelecimento tem como foco os grelhados, em porções bem servidas. O preço médio do polvo à lagareira é de 15 euros.

Zapata

No Chiado, em Cais do Sodré, o Zapata serve o polvo à lagareiro em porção inteira ou meia, com alho cebola e batatas a murro. A dica é comer lá na hora do almoço, pois o jantar costuma ter longas filas.

O preço médio do polvo à lagareiro nesse local é de 15,60 euros para a porção inteira.

Se encantou com as delícias de Portugal? A Horizon Portugal é a assessoria jurídica completa para vistos e cidadania portuguesa aqui no Brasil.

Ler mais notícias