A Francesinha portuguesa é um prato originário da região o Porto. A principal história sobre sua criação apontam que ela surgiu pelas mãos de Daniel David Silva.

Esse português, que na década de 50 trabalhava no restaurante A Regaleira, no Porto, inspirou-se na França para criar o prato. Baseado nas receitas de “croque-madame” e “croque-monsieur”, ele criou a Francesinha portuguesa.

O que é o sanduíche “a francesinha” de Portugal



A francesinha de Portugal é um sanduíche feito com dois pães de forma grossos. No recheio, bife bovino, linguiça, salsicha fresca, fiambre (uma espécie de presunto) e queijo. Na sequência, ele é coberto com queijo, levada ao forno até derreter. Depois, é adicionado o famoso molho quente e picante à base de tomate, cerveja preta e vinho do porto.



Alguns lugares colocam um ovo estalado por cima e servem o prato com batatas fritas.

Quais são os melhores lugares para se comer a “francesinha”?



Quase todos os lugares de Portugal servem o Francesinha. Entretanto, os restaurantes da cidade do Porto seguem à risca a tradição.

“A Regaleira”, restaurante em que o prato foi criado, é um restaurante que ainda existe. Os preços giram em torno de 10 euros. Outros dois lugares interessantes para degustar o prato em Porto são o “Café Santiago” e o “Lado B”.

Gostou da francesinha? Sabia que é possível provar as delícias de Portugal sem ter data para voltar?

É só pedir a cidadania portuguesa, se você tiver direito a ela. Nós, da Horizon Portugal, temos as soluções para te ajudar nesse processo.

Ler mais notícias